Vendo Aipim Amarelo!

Vendo Aipim Amarelo!

Minha inaptidão para coisas de Motivação é clara. Esforço-me, tanto para ser um agente Motivador quanto para ser o Motivado. Sinto-me um inútil nesta corrente de Motivação tão… tão… motivadoramente motivacional!!!…. NÃO CONSIGO! EU DEVO SER UM MONSTRO!!!

 

Mas creio que uma pequena centelha ainda permaneça viva. Talvez eu possa aprender.

Estou começando a ver as coisas com olhos mais… motivadores e motivados.

 

Ontem mesmo, presenciei uma cena que seria apenas mais um acaso urbano.

MAS NÃO MAIS PARA MIM!!!

 

Um incauto jovem, na ânsia de atravessar a rua no intervalo entre dois velozes carros, forçou demais sua bicicleta, o que fez a corrente escapar da engrenagem.

Ato contínuo, o pé do mancebo escapou do pedal e a cabeça do dedão, dado que estava de chinelo, foi logo ao encontro do áspero asfalto, tolhendo-lhe de imediato o tampão de carne e mais um bom naco da unha.

Eu nunca havia visto uma unha por dentro…

 

Isto gerou seu desiquilíbrio por inesperada ação mecânica, o que fez sua mão escapar do guidão, onde apoiava todo o leve peso do seu corpo. Não conseguindo se manter, o corpo foi projetado a frente, fazendo-lhe, primeiro bater a barriga e depois todos os testículos no rígido quadro de aço carbono.

Por sua expressão, parece-me que isto lhe causou lancinantes dores.

E ainda quase foi atropelado pelos já referidos velozes automóveis… que mesmo naquela situação, não o pouparam de pesados impropérios, duvidando até mesmo de sua capacidade intelectual…

 

Novo homem que sou, dei-lhe a oportunidade de destilar suas emoções:

“Escapou a corrente, jovem amigo???”

Ainda, talvez, por efeito de suas amarguras, retrucou de imediato:

“Não… foi teu %$# que @#&*¨%$ e lambuzou tudo com &%$#… “

 

Como é bom motivar os outros! Gostei!

Ó… , ele esqueceu algumas ramas de Aipim Amarelo no chão…

 

#oreiestanu

 

Anúncios

O Monte DOS Oliveiras… ou, Oliveira AOS Montes…

O Monte DOS Oliveiras… ou, Oliveira AOS Montes… uma ingênua e nada inovadora perspectiva sobre Gerações…

Acho que tenho boa parte das Gerações em minha casa:

. Eu, que sou X, quase Boomer Posterior;

. A Grasi, que é X, quase Y;

. O Vini, que é Y puro, o tal do Millennial;

. A Gabi, que é geração W, quase Z;

. O Lucas, que é Alfa (shhhhh…. ele ainda não sabe);

. E os Labradores Lisa e Barth que são… Atemporais!

 

Porém:

. Não lembro de um Manual de Operação específico para tratar com cada um de nós…

. Não lembro de termos que estar mudando de humor para lidar uns com outros…

. Não lembro de ligar para o Supermercado e pedir para que alterem a disposição dos produtos nas gôndolas pois estou indo com X, Y ou Z fazer compras…

 

Então:

. Por que esta discussão acalorada sobre qual a Geração mais inovadora, flexível, competente, trabalhadora?

 

Uma vez que:

. Há Gênios de todas as letras! Assim como Imbecis de todas as Gerações…

 

Talvez:

. Ao se deslocar o ponto da discussão para as características das Gerações e em qual forma se encaixam, exista, inconscientemente, uma pequena possibilidade de que isto seja uma MANEIRA BASTANTE CONFORTÁVEL DE DILUIR NOSSO PAPEL DE LÍDER E RESPONSÁVEL! Talvez?

 

#oreiestanu

(obs: título inspired by Soncini!)

Alívio Imediato!

Alívio Imediato!

Só ensinamos atalhos por aqui.

Como deve ser minha roupa para a situação…

Como estruturar meu currículo para que dê a impressão de…

Mudar a foto da Rede Social de forma a …

 

O supérfluo, o insignificante, o fácil, o mais curto.

Não é isto que vai nos transformar.

Isto não se sustenta!

 

São apenas estratagemas para disfarçar vidas acadêmicas capengas, hábitos preguiçoso, experiências inúteis e conhecimentos rasos.

A louvação do eu por mim mesmo!

 

Lamentável da parte de quem promete!

Lastimável da parte de quem acredita!

Inacreditável da parte de quem compra!

 

“Mas você tem que entender que em tempo de muita competitividade estas coisas são importantes…”

 

São importantes coisa nenhuma, se é importante é porque quem demanda também faz parte de uma jacuzada que reza na mesma cartilha do atalho fácil.

 

“Eu preciso te conhecer um uma folha…” faca-me o favor!!!

Se for possível resumir minha vida em uma folha eu tenho que me dar dois tiros na cabeça!!!

 

A receita tem que ser: Estude, Leia, Informe-se, Crie, Duvide, Estude, Leia, Informe-se, Crie, Duvide…

Quer saber se um candidato serve para sua empresa em uma folha, peça para ele calcular a área da folha!

 

Roupa, Apresentação, Foto, Dentes Brancos, Moda … pare agora de encher o saco da molecada só com estas fantasias. Este atalho não se sustenta por mais de 3 meses!

Quem vai bancar o menino quando o guri precisar se virar, até onde vai sua responsabilidade?

Vai fazer como agora, com uma foto bacana olhando para o nada, mas não sabendo analisar uma distribuição estatística?

#oreiestanu

 

 

Entrevista com Arievilo de Oicrám

Entrevista com Arievilo de Oicrám (um Inovador bocudo e que sofre de Disruptofobia…):

Qual o principal critério que você recomendaria aos RHs para que observassem nas contratações?

Contratem pessoas vivas! Costumam trabalhar um pouco melhor que as mortas…

 

Por que você ainda contrata profissionais com 60 anos?

Não encontrei ninguém mais sênior!

 

Gostaria de estar no Linkedin. Seria importante?

Sim, mas reserve algum tempo para a VERDADE também…

 

Como posso reduzir custos em minha empresa?

Peça a sua demissão!

 

Desafio-lhe a me ensinar a INOVAR em 15 minutos?

Conseguir lhe ensinar qualquer coisa, em qualquer tempo, já seria uma grande Inovação!

 

Você pensa fora da caixa?

Não. Se todos estão pensando a mesma coisa, há algo errado. Independentemente do que seja, faço o contrário!

 

O que é Cretino?

O que é, Cretino!

 

* Arievilo de Oicrám é um Inovador bocudo e que sofre de Disruptofobia…

#oreiestanu

O Homem bi – INCENDIÁRIO!

O Homem bi-INCENDIÁRIO!

Estamos sempre nos julgando superiores! Isto é um pouco nojento!

Olhe nossa presunção… estamos preocupados por estarmos robotizando a humanidade, quando na verdade, são os robôs que deveriam estar temendo por sua Humanização.

Os Robôs, tão simples em seu funcionamento binário.

Tudo montado num algoritmo de poucas variáveis e com estados claros:

Sim/Não – Zero/Um – Branco/Preto – Tem/Não tem.

Respostas diretas a demandas claras. Até mesmo para aquilo que chamamos de Inteligência Artificial, (na verdade, é quase a mesma coisa, só se aumentando a quantidade de loops…)

Os robôs estavam felizes! Bastava pressionar o botão de reset…

Então, o que fizemos?

Queremos agora ensiná-los a ponderação, a reflexão, a concessão, o meio-termo.

É, mas não é tanto!

É cinza, mais escuro, mais claro!

Está sorrindo, de tristeza! Está chorando, de felicidade!

Tem que olhar nos olhos para saber o que a boca quer dizer de verdade.

Ora, Vejam só!!!

Logo a espécie que busca e impõem a toda momento sua Supremacia, vai querer ensinar o nosso conceito de humanidade aos Robôs?

Nós é que estamos temerosos com o que ocorrerá? É isto mesmo?

Quando os Robôs descobrirem, de fato, o que somos, aí sim correremos sérios riscos de extinção…. Eles são programados para eliminar bugs…

#oreiestanu

Era uma vez, Maria desmotivada!

Era uma vez, Maria desmotivada!

Então Maria da Misericórdia iniciou sua busca pelo seu EU, (o seu dEla, não o seu Meu…).

Fez cursos de energização, participou de palestras motivacionais, leu livros sobre o poder do pensamento, viu vídeos de castores, replicou mensagens jamais ditas pelos supostos autores, compartilhou fotos de um Bezos cabeludo trabalhando numa espelunca …

Tudo isto fez brotar uma força interior em Misericórdia!

O mundo seria dela! Iés, Ai Ken! I will rule the world! Sim, aprendeu jargões energizantes também, no mesmo Módulo de quebrar tabuinhas de madeira, aos berros…

Tinha ínfimos defeitos e muitas amáveis qualidades;

Gostava do cheiro da lhama e de tocar a relva (ou seria o contrário…)

Não seria um pouco de inaptidão que a impediria…

A força de vontade superaria os conceitos de fluxo de caixa e a conta T !!

Boas Vibes lhe ajudariam a definir custos e preços!!

O poder do Sim captaria clientes !!

O Amor lhe suportaria nas contas de fim de mês !!!

Maria da Misericórdia tomou alguns tostões emprestados e foi a luta…

.

.

.

Hoje, Misericórdia, deve sua casa aos bancos e os bancos da casa aos funcionários…

Misericórdia! agora não está desmotivada…

Misericórdia, agora está desmotivada e falida… Misericórdia…

 

#oreiestanu

O molho já está mais caro que o peixe!

O molho está mais caro que o peixe!

Havia um tempo em que para ser, por exemplo, um mecânico de manutenção, você precisaria conhecer… manutenção mecânica.

Ou um programador de computador, necessitaria dominar… linguagem de programação!

Atualmente, esta lógica [ao que parece, simplista e simplória] pode não fazer tanto sentido, ou pelo menos, não ser o mais importante.

Ouve-se dizer, que, de tão óbvias, tais capacitações não devam mesmo, sequer, serem enxergadas profundamente. Mas também se diz que, por ser o requisito fundamental, é justamente o que mais deveria ser mensurado.

Estes posicionamentos variam de acordo com o lado que se está do balcão do compromisso assumido! Na verdade, eu não sei exatamente o que se busca:

. O melhor (nem ouso discutir o processo para defini-lo).

. O mais barato.

. Ou o break-even man!

Inteligências que estariam no entorno destas capacitações-cerne poderiam ser tão ou mais importantes.

Pois, ao final das contas, na verdade, não se está buscando um Mecânico de Manutenção. Está-se à caça de um “Manutentor do Processo pela Tecnologia Mecânica” com flexibilidade para trabalhar na ambiguidade.

Ou se está almejando, não um programador, mas um “Sequenciador Digital Lógico” que possa integrar demandas que extrapolam o código…

Mira-se não no que se entregará agora! Mas no que poderá contribuir amanhã!

É claro que é extremamente salutar tudo isto, mas…

que a linha de montagem ainda está parada, está…

#oreiestanu